Categoria define pauta de reivindicações

Categoria define pauta de reivindicações

Trabalhadores em edifícios da cidade de São Paulo estiveram reunidos na sede do Sindifícios, na noite desta terça-feira, dia 26 de julho, para definir os rumos da Campanha Salarial deste ano.

Além das cláusulas econômicas, zeladores, porteiros, vigias, faxineiros, ascensoristas e garagistas levarão para a mesa de negociações as cláusulas sociais.

Com data base em 1º de outubro, as principais reivindicações da pauta votada e aprovada são:

– Terceirização: o condomínio que terceirizar deverá respeitar a convenção da Categoria;
– Convênio médico a ser custeado pelo empregador;
– Estabilidade de 30 dias quando o empregado retornar do período de férias;
– Aviso prévio de 45 dias para funcionários com mais de 45 anos de idade e mais de 36 meses trabalhando no mesmo prédio;
– Salário admissão para que o contratado não ganhe valores inferiores aqueles que são pagos no local;
– Estabilidade pré aposentadoria para aqueles que estão há mais de três anos com o mesmo empregador e a 15 meses de se aposentar;
– Criação do delegado sindical: eleger no prédio um funcionário que represente o trabalhador e tenha estabilidade e formação no Sindicato;
– Cesta básica de R$ 150,00;
– Vale refeição de R$ 15,00 (hoje a categoria não tem vale refeição);
– Reajuste de 10% para os salários;
– Reajuste de 12% para os pisos.

Acompanhem nossos informativos e acesse nosso site para acompanhar a negociação.