FGTS

FGTS

Há algum tempo muitos sindicatos e advogados têm entrado na Justiça com ações pedindo novo cálculo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e o trabalhador da categoria tem questionado o Sindifícios se pretende fazer o mesmo.

Contudo, ainda há controvérsias sobre o assunto, especialmente sobre qual índice deve ser aplicado na correção do FGTS. Tanto que o ministro Benedito Gonçalves, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) suspendeu todas as ações em tramitação na Justiça, deixando parados todos os processos sobre o tema até que todas as controvérsias sobre o assunto sejam resolvidas.

A diretoria do Sindifícios está acompanhando o processo e considera conveniente aguardar novo posicionamento do STJ. Sendo assim, pede que a categoria aguarde novo comunicado.

Vale lembrar que o FGTS corresponde a 8% do salário do empregado depositado mensalmente pelo empregador e pode ser sacado, por exemplo, em caso de demissão sem justa causa ou para comprar a casa própria.

No Comments

Leave a Comment

Your email address will not be published.